Iniciação à Prática Profissional no Pré-Escolar

Curso da Unidade Curricular: Licenciatura em Educação Básica
Grau
: Licenciatura

Ano: 2º Ano
Duração: Semestral
ECTS: 3
Tipo de unidade curricular: Obrigatória

Língua de lecionação: Português

Total de horas de Trabalho: 84 horas
Tempo de Contacto: 45 horas

Pré-requisitos e co-requisitos: Não aplicável
Precedências: Não
Estágio escolar: Sim

Conteúdos Programáticos

  1. Educação Pré-Escolar em Portugal: Lei de Bases do Sistema Educativo e Lei Quadro da Educação Pré-Escolar
    1. Orientações curriculares para Pré-Escolar e Metas de Aprendizagem
    2. Organização do contexto educativo: Creche e Jardim de Infância
  2. Papel do Educador de Infância
    1. Ética Profissional
  3. Metodologias de ensino/aprendizagem
    1. Estratégias e atividades de aprendizagem: critérios de escolha e aplicação prática
    2. Princípios orientadores da ação educativa: observar, planificar, avaliar
    3. Planificação da intervenção educativa: técnicas e procedimentos
  4. Intervenção Educativa em contexto de estágio
    1. A gestão curricular em articulação com as metas de aprendizagem
    2. A diferenciação curricular: prática pedagógica diferenciada
    3. Adequação de recursos aos contextos educativos: tempo, espaço e materiais pedagógicos
    4. Princípios orientadores da ação educativa e sua operacionalização em contexto educativo

Objetivos de Aprendizagem
(Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir)

A unidade curricular pretende que os formandos sejam capazes de:

  1. Compreender a educação pré-escolar como sistema e como processo;
  2. Incrementar as Orientações Curriculares para o Pré-Escolar em articulação com as Metas de Aprendizagem;
  3. Refletir sobre o papel do educador no processo ensino/aprendizagem;
  4. Selecionar metodologias de ensino/aprendizagem a aplicar em contexto educativo;
  5. Operacionalizar os princípios orientadores da ação educativa em contexto de estágio;
  6. Planificar estratégias educativas adequadas aos diferentes contextos em pré-escolar;
  7. Articular conhecimentos teóricos e práticos na ação pedagógica e respetiva avaliação;
  8. Elaborar materiais pedagógicos e instrumentos de avaliação;
  9. Desenvolver atitudes de cooperação entre os intervenientes do processo ensino/aprendizagem em contexto educativo (educador cooperante, pares e crianças).

Metodologias de ensino e avaliação

A Unidade Curricular tem um carácter teórico-prático e por essa razão serão privilegiadas as metodologias ativas. As sessões estão organizadas com breve exposição teórica seguida de debates e trabalhos de pesquisa e reflexão, a partir de artigos de referência e propostas de planificação de atividades e estratégias educativas.

A utilização de uma metodologia combinada com a participação dos alunos na realização de atividades de análise e aplicação dos conhecimentos adquiridos, designadamente através de trabalhos individuais e de grupo que constituirão os instrumentos de avaliação, organizados em formado de Portfólio. A componente prática da Unidade Curricular será realizada em contexto educativo (Jardins de Infância e Creches com a supervisão do docente responsável. Terá o carácter introdutório à profissão docente, com observação, observação participante e intervenção educativas.

Bibliografia principal

Estrela, A. (1994). Teoria e prática de observação de classes. Porto: Porto Editora.

Lei n.° 46/86, de 14 de Outubro de 1986 (Lei de Bases do Sistema Educativo).

Metas de Aprendizagem na educação pré-escolar. Disponível em http://metasdeaprendizagem.dge.mec.pt/educacao-pre-escolar/apresentacao/ (acesso em 28 de outubro de 2013).

Oliveira-Formosinho, J. & Gamboa, R. (2011). (org). O trabalho de projeto na pedagogia-em-participação. Porto: Porto Editora.

Oliveira-Formosinho, J. (2011). (org). O espaço e o tempo na pedagogia-em participação. Porto: Porto Editora.

(1997). Orientações Curriculares para a Educação Pré-Escolar. Lisboa: ME.

Siraj-Blatchford, I. (2004). Manual de desenvolvimento curricular para a educação de infância. Lisboa:Texto Editora.

Spodeck, B. (2010). Manual de investigação em educação de infância. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian

Contacte-nos

Envie-nos por favor a sua dúvida ou questão, através do seguinte formulário.