Temas e Problemas da Educação infantojuvenil

Curso da Unidade Curricular: Licenciatura em Educação Básica
Grau
: Licenciatura

Ano: 1º Ano
Duração: Semestral
ECTS: 3
Tipo de unidade curricular: Obrigatória

Língua de lecionação: Português

Total de horas de Trabalho: 84 horas
Tempo de Contacto: 30 horas

Pré-requisitos e co-requisitos: Não aplicável
Precedências: Não
Estágio escolar: Não

Conteúdos Programáticos

  1. Educação
    1. Conceitos
    2. Definições clássicas
    3. Outros sentidos: instituição, processo e produto
    4. Modalidades:
      1. Intencional e não-intencional
      2. Informal, não-formal e formal
  1. A criança, o púbere e o adolescente
    1. Particularidades do desenvolvimento e aprendizagem em cada etapa
    2. Das perspetivas fragmentadas às holonómicas (ecológicas, holísticas e integralistas)
  1. Temas e problemas educacionais contemporâneos
    1. Literacias e Analfabetismos: funcional, virtual, digital, científico, ambiental, etc.
    2. Inclusão, equidade, democracia e cidadania
    3. Ensino tradicional e o novo paradigma educacional
      1. Educação para o século XXI: os quatro pilares/os novos modos de aprender
      2. Autonomia, imaginação e criatividade
      3. Competências do educador no século XXI
    4. Categorias da educação do futuro: globalização, cidadania, planetaridade, sustentabilidade, virtualidade.

Objetivos de Aprendizagem
(Conhecimentos, capacidades e competências a adquirir)

  • Conhecer os temas e os problemas contemporâneos da educação infantojuvenil;
  • Dominar os conceitos e as categorias de análise do programa da unidade curricular;
  • Distinguir as particularidades das fases de desenvolvimento na criança, no púbere e no adolescente;
  • Ser capaz de relacionar desenvolvimento com aprendizagem nas diversas fases: infância, puberdade e

adolescência;

  • Refletir sobre os problemas contemporâneos da educação infantojuvenil;
  • Interpretar criticamente a realidade contextual, mobilizando as teorias, modelos e perspetivas de abordagem dos temas e das problemáticas da unidade curricular;
  • Analisar criticamente os (pre) conceitos e valores próprios e dos outros correlatos dos temas e problemas da unidade curricular;
  • Avaliar quão próximo ou distante está do perfil de educador do século XXI;
  • Projetar-se num perfil de educador do século XXI – conceber um plano de desenvolvimento individual para o efeito.

Metodologias de ensino e avaliação

No desenvolvimento da unidade curricular serão implementadas as metodologias ativas que levem os estudantes a aprendizagens significativas. Assim, serão utilizadas a exposição dialogada, visionamento e análise conjunta de recursos audiovisuais, trabalhos em pequeno grupo, debates, elaboração de mapas conceptuais, pesquisa autónoma e tratamento de informação, produção de trabalhos escritos individuais e em grupo com apresentação oral. A avaliação será criterial, de carácter formativa formadora, realizada com vista a contribuir para o desenvolvimento pessoal do estudante, daí que, além dos trabalhos desenvolvidos e produzidos ao longo do processo, no final, a avaliação sumativa será feita através de um portfolio reflexivo, contendo as evidências que, do ponto de vista do estudante, revelem o progresso realizado e a projeção num perfil de educador para o século XXI.

Bibliografia principal

Delors,J.(1996/1998). Educação um tesouro a descobrir. São Paulo: Cortez.

Freire,P.(1996). Pedagogia da autonomia. São Paulo: Paz e Terra.

Gardner,H.(2003). La inteligencia reformulada. Las inteligencias múliples en el siglo XXI. Barcelona: Paidós.

Libâneo,J. C.(2010). Pedagogia e pedagogos, para quê? (12.ª ed.) São Paulo: Cortez.

Morin,E. (2011). Os sete saberes necessários à educação do futuro. São Paulo: Cortez.

Mucchielli,R. (s/d). A personalidade da criança. Sua formação do nascimento até ao fim da adolescência. Lisboa: Livraria Clássica Editora.

Perrenoud, P. (2000). Dez novas competências para ensinar. Porto Alegre: ArtMed.

Pinto, M.; Tedesco, J.; Pais, J.; Relvas, A. (2000). As pessoas que moram nos alunos. Porto: Asa.

Robinson, K. (2011). O elemento. Porto: Porto Editora.

Robinson, K. (2012). Libertando o poder criativo – a chave para o crescimento pessoal e das organizações. São Paulo: HSM Editora.

Zanten, A. (Coord.) (2011). Dicionário de Educação. Petrópolis: Editora Vozes.

Contacte-nos

Envie-nos por favor a sua dúvida ou questão, através do seguinte formulário.



[mc4wp_checkbox]